Publicado em 4 comentários

Útero – Feridas Uterinas

Precisamos cuidar bem do nosso útero, pois é um órgão destinado a dar condições de vida a nossos filhos, sua função principal é receber o óvulo fertilizado e lhe dar todas as condições para seu desenvolvimento. O colo do útero é uma estrutura alongada que liga a vagina à parte superior do útero, chamada corpo uterino. Esta estrutura possui um canal (canal endocervical) com dois orifícios; o orifício externo está em contato com a vagina e o interno com o corpo uterino. Existem dois tipos de tecido diferentes que revestem este órgão; o tecido escamoso reveste a parte do colo em contato com a vagina e o tecido glandular reveste o canal do colo do útero. Pelas mudanças hormonais que a mulher sofre ao longo da vida, o tecido glandular pode se localizar em vários pontos do canal endocervical e sair do orifício externo do colo, sendo possível sua visualização quando fazemos o exame ginecológico.

Como é um tecido mais sensível, ele não resiste às agressões naturais da vagina, como acidez, presença de bactérias e traumatismo na relação sexual, o próprio organismo leva a uma transformação deste tecido glandular em tecido escamoso, que é o tecido mais adaptado ao ambiente vaginal; este processo é chamado metaplasia (que pode aparecer no papanicolau – mas não se preocupe, pois isso é um processo NORMAL do organismo). Com isso, o colo vai sendo recoberto novamente por tecido escamoso, mas, ao longo da vida, pode ocorrer nova ectopia do tecido glandular e novo processo de metaplasia.

E quando essa ectopia representa perigo? Muitas bactérias e vírus preferem infectar justamente o tecido glandular que, se estiver mais exposto, pode favorecer infecções por bactérias como Gonococo e Clamídia. Já o HPV gosta de infectar justamente o tecido metaplásico (o de transformação) e se a ectopia for muito grande, pode ocorrer sangramento nas relações sexuais, já que este tecido é mais sensível a traumas; por tratar-se de um tecido produtor de muco, mulheres com ectopias grandes podem apresentar um excesso de corrimento mucóide. Portanto, a ectopia só deve ser tratada quando causar um destes desconfortos.

Feridas no colo do útero desenvolvem para câncer? Pode acontecer, mas não é regra.

Como tratar as feridas uterinas?

Inicie com o:

Floral Essencial Uterin 30 gotas em 200 ml de água às 07 – 14 e 21 horas.

Floral Essencia Ducha vaginal: Ferver e depois amornar 500 ml de água, pingar 60 gotas do floral, colocar na ducha higiênica e aplicar durante 03 noites, consecutivas.

Constitucional de Bach Nº ( a ser determinado com a informação da idade da pessoa, sua altura e seu peso)

Nosódio Útero: É utilizado nos casos de mioma, sangramentos, pólipos, endometriose, inflamações, cólicas uterinas e demais doenças do útero.

Gineco Nosódio – Drenador: É utilizado para drenar sintomas de doenças ginecológicas (disfunções menstrais, cistos de ovário, calores da menopausa, mioma e etc.)

A melhor maneira de tratar todo e qualquer problema, é antes dele se instalar, ou seja, fazendo a prevenção para que possamos viver bem. Vá ao ginecologista e faça papanicolau e o mais que for necessário para ser ginecologicamente saudável.

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

4 comentários sobre “Útero – Feridas Uterinas

  1. olá boa noite!
    Como faço para comprar o gineco nosódio?
    Moro no interior do Rj.
    cep;24900325.
    grata!

  2. Como faço pra conseguir comprar?

    1. Vanessa, basta digitar o nome de cada produto na busca e, na página do resultado, clicar no produto para entrar na página de compra. Se tiver dificuldades, basta solicitar orçamento (digitando o nome dos produtos que deseja, a quantidade e o cep de sua casa), através do WhatsApp (79) 99850-4445.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *