Publicado em Deixe um comentário

Oxiúros : A enterobiase

A oxiurose, que também é chamada de enterobíase, é uma doença infecciosa provocada por vermes que se alojam no intestino, os oxiúros. Eles são pequenos parasitas, parecidos com minhocas, que causam, entre outros sintomas, muita coceira no ânus. É uma doença da infância, mas pode perfeitamente acometer adultos também.

Além da coceira no ânus, a infecção por oxiúros pode causar emagrecimento, enjoos, irritabilidade, além de, algumas vezes, inchaço e desconforto no estômago. Em alguns casos, seus sintomas podem ser confundidos com os da intolerância à lactose.

Esse tipo de problema ocorre principalmente em locais onde a higiene é precária, ou quando a pessoa não toma os cuidados necessários com o asseio, como ter as unhas cortadas, lavar muito bem as mãos e não colocá-las na boca. A oxiurose é contraída quando se ingere os ovos do verme por meio de alimentos contaminados, ao levar as mãos à boca depois de coçar a região anal ou por retro-infestação.

Como prevenir a oxiurose

Não esqueça que as principais medidas para evitar a infestação por oxiúros são os cuidados com a higiene. Lave as mãos frequentemente, especialmente após cada ida ao banheiro, antes de comer ou preparar alimentos. Esfregue por um minuto, no mínimo, a cada lavagem.

As mãos são, na maioria das vezes, os veículos transmissores dos parasitas. As infestações destes vermes são contagiosas, por isso é preciso muita atenção à limpeza, para evitar também a reinfestação.

Ovos dos oxiúros ficam presos em roupas, roupas de cama e toalhas de banho. Lave-as com água quente e sabão. Lave diariamente roupas íntimas, pijamas, calças e toalhas. Seque suas roupas ao sol. O calor muito eficaz para matar os vermes.

Não abra mão de banhos diários. Se puder, tome um pela manhã e outro à noite. Os banhos da manhã são extremamente eficientes, pois vão fazer a limpeza dos ovos de oxiúros.

Evite ao máximo se coçar. Tente se controlar. Coçar áreas infectadas pode prender ovos embaixo das unhas – e aí você pode acabar infestando outra pessoa. Reduza a quantidade de açúcar ingerido. Este ingrediente é o alimento que dá energia aos oxiúros. Quanto mais açúcar eles têm, mais energia e vitalidade para reprodução.

Remédios caseiros contra os oxiúros

  1. Não descasque os dentes de alho. Coloque-os no liquidificador e bata-os com o vinagre de cidra de maçã. Então, coloque a mistura em um recipiente tampado e deixe-a em repouso por um mínimo de duas semanas.

    Coe a mistura e jogue o alho fora. O que restou pode ser adocicado com mel, para tornar a mistura mais saborosa.

    Administre três colheres de chá da formulação diariamente (para uma criança de 22 kg). Ajuste a dose de acordo com o peso.

2. Leite com Hortelã miúda e mel

3. Sementes torradas de melancia

4. Óleo de copaíba para pasas no ânu até 3 X dia, não esquecendo de passar mais uma vez ao deitar.

E atenção, se você tomou todos os cuidados, fez os remédios caseiros e não conseguiu se livrar desses vermes, é bom procurar um médico. Você pode estar com outros tipo de vermes e, para diagnosticá-los, é preciso um exame mais minucioso.

De acordo com o Dr. Arthur Frazão, O Pyr-Pam é um remédio bastante conhecido para eliminar o oxiúrus. Ele deve ser administrado em dose única, de acordo com o peso corporal do indivíduo. A dose deve ser novamente administrada após 15 dias da primeira, para garantir a eliminação completa do verme e de seus ovos, visto que estes podem permanecer vivos em ambiente hostil por até 30 dias.

Este remédio não costuma causar reações adversas na maioria das pessoas, mas algumas podem sentir um certo desconforto gastrointestinal. Após seu uso, as fezes podem apresentar-se avermelhadas, mas sem significado clínico.

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *