Publicado em

Coração: 10 Mandamentos para cuidar bem deste órgão

É mais simples do que a maioria das pessoas pensa. Ninguém precisa esperar que um problema cardiovascular apareça para, então, pensar sobre o assunto. Afinal, os especialistas garantem que a prevenção é o melhor remédio. Leia as dicas abaixo e comece hoje mesmo a cuidar melhor deste órgão vital!

1. O sono é um dos melhores aliados da saúde do coração. Dormir pelo menos 8 horas é importante para que a pressão sanguínea diminua e se recupere do stress do dia-a-dia. Procure travesseiros e colchões que estejam de acordo com seu peso e altura.

2. Manter a pressão sob controle é fundamental. O ideal é que ela esteja igual ou inferior a 12 por 8. A pressão arterial alta pode causar derrame cerebral, infarto e insuficiência cardíaca.

3. As taxas de colesterol devem ser monitoradas: o LDL (colesterol ruim) deve ser sempre menor que 100mg/dl e o HDL (colesterol bom) deve ser maior que 50mg/dl. As placas de gordura podem entupir os vasos e causar infarto, AVC e até a morte caso os vasos venham a se romper.

4. O excesso de açúcar no sangue também é um vilão. Muito açúcar no sangue pode lesionar as artérias e causar seu rompimento.

5. Use os alimentos como aliados de sua saúde. Alimentos ricos em flavonóides como o chocolate amargo, o vinho e o azeite proporcionam o fortalecimento dos vasos sanguíneos e a redução da pressão arterial. Já as vitaminas do complexo B evitam a formação de coágulos e o endurecimento dos vasos. Estão presentes na gema de ovo, levedo de cerveja, grãos integrais, peixe, carne (preferencialmente de carneiro e de cabrito), galinha e ovos caipira (não têm hormônios) e leguminosas.

6. Os alimentos ricos em cálcio como as folhas verde-escuras, o leite e seus derivados magros e aqueles com magnésio e potássio presentes na maioria das frutas, verduras e legumes, ajudam a regular a pressão sanguínea e as contrações do coração.

7. Já as oleaginosas (castanhas, nozes, avelãs, linhaça) têm ação anti-inflamatória e vaso dilatadora.

8. A prática de exercícios físicos também é importante para reduzir os triglicérides e melhorar os níveis do HDL.

9. O uso de contraceptivos orais, já que seu uso prolongado pode trazer riscos para a saúde do coração.

10. Cuidado com o cafezinho. Os especialistas recomendam no máximo três xícaras por dia, evitando assim acelerar o ritmo cardíaco e o aumento da pressão. Lembre-se de que o café deve ser mais fraco, e preferencialmente sem açúcar, o café forte não faz bem à saúde.

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Deixe um comentário ou resposta...