Publicado em Deixe um comentário

Os Mandamentos dos Endocrinologistas

Os endocrinologistas estudaram muito para que tivéssem condições de cuidar de nossas glândulas, nossa obesidade, nossa magreza e venho colhendo ao longo do tempo algumas frases que eles têm me dito. Claro está que elas não estão na íntegra, como as ouvi, mas estão como as senti e me lembrei. Interessante que todos endogrinologistas que procurei para emagrecer eram gordos, bem gordos…

1- Não se culpe por ser gordo: Procure ajuda e emagreça.

2- Fuja das fórmulas mágicas de emagrecimento e de dietas milagrosas. O importante é aprender a comer.

3- Não há alimento proibido, há alimento desnecessário. O segredo é não exagerar em nada.

4- É possível comer bem e ter um peso normal. Aprenda sobre os alimentos e monte você mesma seu cardápio, segundo seu paladar e suas necessidades. Um escriturário não precisa da mesma quantidade de calorias que necessita um pedreiro.

5- Obesidade é uma doença e, às vezes seu sugestão requer a intervenção de medicamentos alopatas, procure sempre um endocrinologista.

6- Não é porque um alimento é muito gostoso que comendo mais ele será melhor.

7- Não precisa comer o bolo inteiro hoje, amanhã o sol nascerá novamente e será um novo dia para comer mais uma fatia fina de bolo.

8- Aprenda a ir com calma comprar seus alimentos, você leva horas para escolher um sapato, um vestido ou uma camisa que deixara do lado de fora de seu corpo. Por que não dedicar igual tempo para comprar aquilo que você colocará no interior de seu corpo?

9- É burrice comer todos os dias arroz, feijão, macarrão, batata frita, salada de alface e bife. Veja quantas iguarias o Senhor nosso Deus providenciou para que nos alimentássemos convenientemente.

10- Se não souber como comer, monte seu prato com cinco cores diferentes de alimentos e com certeza estará tendo bom senso e fazendo uma dieta saudável. Mantenha as cores todos os dias, mas diversifique os alimentos.

11- O único animal cuja alimentação é acrescida de água, é o porco. Ele come lavagem para engordar. O ser humano não deve beber e comer na mesma hora… Ele não é porco, é humano.

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Publicado em Deixe um comentário

Pele Oleosa – Creme

Os tipos de pele variam de pessoa para pessoa. Alguns reclamam da pele seca, enquanto outro tem a pele oleosa demais. A oleosidade da pele é causada pela produção excessiva de gordura pelas glândulas sebáceas. A genética contribui para o problema, assim como o estresse, a alimentação, variações hormonais e climáticas. Por isso, é importante que se tome alguns cuidados especiais quando a pele está muito oleosa, lembrando que o segredo é conhecer bem o seu tipo de pele e usar o tratamento mais adequado.

Quem tem a pele oleosa sofre com o brilho excessivo causado pela oleosidade, deixando a pele com um aspecto sujo e descuidado. Além disso, esse tipo de pele está mais suscetível ao aparecimento de cravos e espinhas. Para evitar esses problema, o ideal é optar por produtos livres de óleo. Existem no mercado sabonetes, cremes hidratantes e protetores solares que não levam óleo em sua composição, sendo os mais indicados para a pele oleosa. Por isso, fique atenta aos rótulos dos produtos.

A limpeza é importante quando a pele possui mais oleosidade. A dica é que se lave o rosto não mais que duas vezes ao dia, com um sabonete neutro. Na hora de enxaguar, a água fria é ideal, pois fecha os poros e evita que as células produzam mais óleo. Se for usar um tonificante, prefira aqueles que não contenham álcool, para equilibrar o pH da pele. A hidratação deve ser feita com produtos livres de óleo. E não se esqueça de usar produtos com filtro solar ou usar um protetor sempre que sair de casa.

Hidratante natural para a pele oleosa

Para manter a pele bonita e reduzir a oleosidade, indicamos a receita abaixo.

Ingredientes:

2 colheres (sopa) de leite
3 colheres (sopa) de talco de bebê
1 colher (sopa) de mel

Modo de Fazer:

Primeiramente, coloque em um recipiente o talco e o mel. É importante que a vasilha seja utilizada somente para esse fim, mesmo depois de lavada. Após misturar bem os dois ingredientes, vá acrescentando o leite aos poucos, mexendo o tempo todo. Ao final, a mistura deve ter a consistência semelhante a da pasta de dente, com a cor levemente amarelada.

Posologia

Aplique o creme em todo o rosto. Deixe-o agir por pelo menos 1 hora. Depois limpe com uma esponjinha macia e enxágue com bastante água. Repita a operação sempre que sentir que a pele está oleosa demais.

Outras Dicas: Diminua o óleo da comida, não use frituras, use e abuse de frutas e verduras cruas, beba muita água. Liquidifique um dou dois tomates, dependendo do tamanho dos cabelos e junte um ou dois copos de água. Coe e passe nos cabelos e no corpo, uma vez por semana. Depois que notar os resultados não deixe de entrar na área de comentários deste site: www.alojadochadearacaju.com.br e diga o que esta dica simples operou em você.

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Publicado em Deixe um comentário

Diabetes – Ajudando a controlar parte IX: As Frutas e suas Propriedades

Não há o que discutir as frutas são realmente o melhor alimento e se pensarmos bem, por que não fazer dela parte fundametal da dieta para quem tem problemas de peso, diabetes e muitas outras patolgias? Veja o que elas são na realidade, o que contêm e as quantidades de nutrientes que fornecem a seu organismo.

Fonte de energia e carboidrato: as frutas são ricas em frutose que é um carboidrato que rapidamente chega no sangue – Para corrigir a hipoglicemia, uma das melhores opções é usar um copo (200ml) de suco de laranja.
Alto Teor de Gordura: frutas como o abacate, castanhas e nozes possuem alto valor energético e fornecem ao organismo um tipo de gordura boa, já o coco (a polpa), além das calorias possui um tipo de gordura que faz mal ao coração;
Alto Teor de Água – Exemplo: melancia, melão, laranja;
Alto Teor de fibras – Exemplo: maçã, laranja, tangerina, manga, jaca.

ATENÇÃO: Nosso organismo tem por regra deixar de fazer efeito quando acostuma-se a uma medicação, e isto acontece no caso do diabetes. Visando corrigir este, digamos, defeito, a Loja do Chá de Aracaju tem disponível alguns produtos para o controle do diabetes. Vale alternar o uso entre eles, justamente para que o organismo não se acostume a nenhum e continue controlando perfeitamente seu nível de glicemia. Veja os produtos:

1 – Dijapadie – Floral Especial

2 – Diabejam – Floral Especial

3 – Diabelina – Floral Especial

4 – Floral de Picão Preto – Deve ser usado em conjunto com um dos Florais Especiais, quando o nível glicêmico for muito alto.

5 – Floral de Pata de Vaca – Deve ser usado em conjunto com um dos Florais Especiais, quando o nível glicêmico for muito alto.

6 – Floral de Amora – Se for uma MULHER DIABÉTICA este Floral deve fazer parte de qualquer um dos outros, sendo alto ou não o nível glicêmico.

O exercício é indicado para as pessoas de um modo geral, inclusive para os portadores de diabetes. Assim, é conveniente que se torne um hábito, mesmo que seja em pequena escala. Mas lembre-se: antes de começar um exercício, procure orientação médica.

As frutas devem ser ingeridas de forma variada e todos os dias, pois cada uma delas cobre uma função no organismo. O ideal é seguir a mesma regra da alimentação balanceada: quanto mais colorido o cardápio, melhor. Veja abaixo o que essas riquezas da natureza fornecem:

Abacate
O abacate é uma das frutas mais apreciadas pelos brasileiros, pode ser consumido ao natural, na forma de creme, ou mesmo batido no liquidificador junto com o leite (preferencialmente de soja) para se transformar numa deliciosa vitamina. Em outros países, contudo, ele é mais conhecido como parte de saladas de verduras e legumes, que são servidas como acompanhamento de carnes. Contém boas quantidades de sais minerais como cálcio e ferro e apesar de sua versatilidade e valor nutritivo, o abacate deve ser usado com moderação, pois possui uma grande quantidade de gordura. Ele deve ser servido cru, pois ele se torna amargo quando cozido. É possível, entretanto, acrescentá-lo a pratos quentes que já tenham sido cozidos, misturando-os com um molho de massa condimentado ou em fatias sobre um peito de frango grelhado.
Composição por 100g
Calorias: 96 kcal
Glicídios: 6g
Proteínas: 1g
Lipídios: 8g
Cálcio: 8 mg
Fósforo: 22 mg
Ferro: 0,2 mg
Sódio: 0,4mg
Potássio: 206mg
Fibras: 6,3g

Abacaxi
Embora o abacaxi possa ser encontrado o ano inteiro, o pico da safra se dá em dezembro e janeiro. O sabor doce e levemente ácido faz do abacaxi fresco uma opção deliciosa como lanche ou sobremesa, podendo ser acrescentado às saladas de frutas, grelhado ou assado com frutos do mar, presunto, frango ou outras carnes. O abacaxi fresco, por conter bromelina, é um amaciador natural da carne vermelha e de aves, quando acrescentado aos ensopados escabeches. O abacaxi é rico em vitamina A, betacaroteno, ácido fólico, cálcio, enxofre, cloro, magnésio, fósforo, potássio e sódio, além de conter fibras solúveis, o que poderia ajudar a controlar os níveis de colesterol no sangue. Na hora de comprar, procure os que tem fragrância e polpa amarela clara ou branca. Marcas castanhas indicam que a fruta está se estragando. Se você comprar a fruta inteira, verifique se é pesada e densa para o seu tamanho e se as folhas estão verdes.
Composição por 100g
Calorias: 48 kcal
Glicídios: 12g
Proteínas: 1g
Lipídios: –
Cálcio: 22mg
Fósforo: 13mg
Ferro: 0,3mg
Sódio : 0,4mg
Potássio: 131mg
Fibras: 1g

Ameixa (fresca e seca)
Em Portugal a época da ameixa vai de Julho a Setembro e no Brasil de Dezembro a Fevereiro. Estas substâncias encontradas nas ameixas são classificados como fenóis e a sua ação antioxidante tem sido bem documentada. O indicado é comê-las bem maduras, onde apresentam maior índice antioxidante. A capacidade de ajudar na absorção de ferro pelo corpo tem sido também bem documentada. Esta capacidade de absorção pode estar relacionada com o alto teor de vitamina C neste fruto.
As ameixas são também uma boa fonte de vitamina A (na forma de Beta-caroteno), vitamina B2, potássio e fibra. Possui aliás mais fibra que qualquer outro fruto, hortaliça ou legume.
Devido ao alto poder laxativo as ameixas são recomendadas contra a prisão de ventre. Deve colocar as ameixas secas de molho num copo com água durante a noite. Ainda em jejum, na manha seguinte deve ingerir tanto as ameixas como a água. Ingerir apenas as ameixas secas sem colocar de molho também produz resultados.
Composição por 100g
Vitamina: C 9.5mg
Vitamina: A 17mcg
Fibra dietética: 1.4g
Riboflavina: 0.026mg
Potássio: 157mg
Calorias: 46Kcal

Banana Prata
Símbolo dos países tropicais e muito conhecida no mundo todo, a banana, fruto da bananeira, é a fruta mais popular do Brasil. A banana é uma fruta de alto valor nutritivo, muito rica em açúcar e sais minerais, principalmente potássio, e vitaminas A, B1, B2 e C. Os tipos mais comuns são Nanica, Prata, Maça, Ouro, Figo e Terra. A banana prata é a mais usada pôr bebês, podendo entretanto ser dada a banana maça ou banana d'água.
Composição por 100g
Calorias: 98kcal
Glicídios: 26g
Proteínas: 1g
Lipídios: –
Cálcio: 8mg
Fósforo: 22mg
Ferro :0,4mg
Sódio: 0,4mg
Potássio: 358mg
Fibras: 2g

Damasco
Fruta pouco consumida no Brasil, mas com alto teor de vitamina A e boas quantidades de vitaminas do complexo B. A melhor forma de utilizar o damasco é com os frutos secos amolecidos.
Composição por 100g
Calorias: 57kcal
Glicídios: 13,8g
Proteínas: 0,8g
Lipídios: 0,6g
Cálcio: 30mg
Fósforo: 32mg
Ferro: 1,1mg
Sódio: –
Potássio: –
Fibras 1,1g

Figo (em calda)
O figo é uma fruta com grande quantidade de energia, por ser rica em açúcar. Entre os sais minerais que contém destacam-se o Potássio, o Cálcio e o Fósforo. A casca do figo é porosa, e varia de cor segundo a espécie, podendo ser roxa, esverdeada, vermelha e, em alguns casos, amarela. Em boas condições, o figo fresco conserva-se na geladeira por até uma semana.
Composição por 100g
Calorias: 185kcal
Glicídios: 50g
Proteínas: 1g
Cálcio: 33mg
Fósforo: 6mg
Ferro: 0,5mg
Sódio: 7mg
Potássio: 589,3mg
Fibras: 2g

Framboesa
A Framboesa é uma fruta pequena, arredondada, de cor vermelho-escura e muito suculenta. No Brasil não existem espécies naturais, sendo cultivado somente um tipo, que dá frutos entre outubro e janeiro. É rica em sais minerais como cálcio, ferro e fósforo. Contem ainda vitaminas A, C e fibras. A framboesa é muito delicada e deve ser manuseada o mínimo possível. Compre frutas que não estejam muito maduras, nem amassadas ou sujas. Para que a framboesa não amadureça demais nem perca o seu sabor, guarde-a na geladeira, mantendo-a na embalagem original, coberta com plástico ou papel de alumínio. Se quiser conservar por aproximadamente uma semana, coloque no congelador.
Composição por 100g
Calorias: 57kcal
Glicídios: 13,2g
Proteínas: 1,2g
Lipídios: 0,6g
Cálcio: 34mg
Fósforo: 36mg
Ferro: 2mg
Sódio: ND
Potássio: ND
Fibras: 3,9g

Goiaba
A goiaba é uma fruta fácil de se encontrar em todas as regiões do Brasil. É rica em vitamina C, A e do complexo B, além de sais minerais como cálcio, ferro e fósforo. Procure consumir as goiabas de tamanho uniforme, bem maduras e firmes, sem sinais de machucados. A safra dessa fruta vai de janeiro a junho.
Composição por 100g
Branca Vermelha

Calorias: 52kcal 85kcal
Glicídios: 12g 13g
Proteínas: 1g 1g
Lipídios: – –
Fósforo: 16mg 15mg
Ferro: 0,2mg 0,2mg
Sódio: <0,4mg <0,4mg
Potássio: 220mg 198mg
Fibras: 6,3g 6,2g

Grapefruit
Rica em betacaroteno, ácido fólico e vitamina C, além de pequenas quantidades de vitaminas do complexo B e E. Tem alto teor de cálcio, magnésio, fósforo e potássio. A grape-fruit, também conhecida como toranja, parece uma grande laranja e produz sucos de cores roxa ou branca.
Composição por 100g
Calorias: 38 kcal
Glicídios: 9,6g
Proteínas: 0,6g
Lipídios: 0,02g
Cálcio: 0,2g
Fósforo: 18mg
Ferro: 0,5mg
Fibras: 0,2g

Jabuticaba
É fonte de sais minerais como cálcio, ferro e fósforo. Além de vitamina C e vitaminas do complexo B. A jabuticaba é uma fruta silvestre, de cor roxo-escura ou negra, segundo a variedade da planta, e polpa suculenta, mole e esbranquiçada. Pode ser consumida ao natural ou usada para fazer doce, geléia, licor ou vinho. Disponíveis a partir da primavera.
Composição por 100g
Calorias: 43 kcal
Glicídios: 10,8g
Proteínas: 1g
Lipídios: 0,1g
Cálcio: 13mg
Fósforo: 14mg
Ferro: 1,9mg
Fibras: 0,3g

Laranja
É uma fruta muito rica em vitamina C e de sais minerais como cálcio, ferro e fósforo. É fonte de vitamina A e do complexo B. No Brasil, as variedades mais cultivadas e conhecidas são: laranja-da-baia, laranja-pêra, laranja-da-terra, laranja-cavala, laranja-lima, laranja-seleta e laranja natal. Os melhores meses para consumí-la são janeiro e fevereiro e de junho a outubro, devendo-se ter cuidado na hora de selecioná-las: os frutos leves e com casca esponjosa têm pouco suco e são de qualidade inferior.
Composição por 100g
Calorias: 37kcal
Glicídios: 9g
Proteínas: 1g
Lipídios: TR
Fósforo: 23mg
Ferro: 0,1mg
Sódio: <0,2mg
Potássio: 163mg
Fibras: 0,8g

Maracujá
É rico em vitaminas A, C e do complexo B. É fonte de sais minerais como cálcio, ferro e fósforo. Ele funciona no organismo como um suave calmante. Existem muitas espécies de maracujá, que variam de tamanho e cor, como: maracujá mirim, maracujá melão, maracujá do igapó, maracujá guaçu e maracujá comprido. Na hora de comprá-lo, escolha o de casca enrugada, caso prefira o maracujá mais doce e maduro. Se, ao contrário, a preferência for por uma fruta com um sabor mais ácido, escolha a de aparência mais lisa. Os melhores meses para consumo são de janeiro a julho.
Composição por 100g
Calorias: 68kcal
Glicídios: 12g
Proteínas: 2g
Lipídios: 2g
Cálcio: 5mg
Fósforo: 51mg
Ferro: 0,6mg
Sódio: 2mg
Potássio: 338mg
Fibras: 1,1g

Melancia
A melancia é fonte de vitaminas A, C e do complexo B, além de sais minerais como cálcio, fósforo e ferro. Por ser muito hidratante (90% de seu volume é água) e diurética, elimina resíduos do aparelho digestivo e funciona como laxante. Os melhores meses para comprar são: janeiro, março, setembro, novembro e dezembro.
Composição por 100g
Calorias: 33 kcal
Glicídios: 8g
Proteínas: 1g
Lipídios: TR
Cálcio: 8mg
Fósforo: 12 mg
Ferro: 0,2 mg
Sódio: <0,4mg
Potássio: 104mg
Fibras: 0,1g

Melão
A cor da casca varia do verde ao amarelo e a da polpa também muda segundo o tipo, havendo melões amarelados, esverdeados e esbranquiçados. É rico em vitamina A e boa fonte de vitaminas C e do complexo B. É fonte de sais minerais como cálcio, ferro e fósforo. Na compra, deve-se escolher os melões com as pontas moles, com o cheiro adocicado nas pontas e de maior peso. Seu melhor período para consumo é entre os meses de novembro a janeiro.
Composição por 100g
Calorias 29kcal
Glicídios 8g
Proteínas 1g
Lipídios –
Cálcio –
Fósforo 10mg
Ferro 0,2mg
Sódio 11mg
Potássio 216mg
Fibras 0,3g

Maçã
Fruta rica em vitaminas B1, B2, Niacina e sais minerais como Fósforo e Ferro. É uma boa fonte de fibras por conter pectina, ajudando a evitar a constipação intestinal. No Brasil, as variedades de maçã mais conhecidas são a amarela ou dourada, a vermelha e a verde. São muitas as variedades: Starkinson, New Zealand, Golden, Hungara, Red Del, Red, Granny Smith, Anna, Eva, Brasil, Fuji, Gala, Melrose.
Composição por 100g
Calorias 56kcal
Glicídios 15g
Proteínas Tr
Lipídios Tr
Cálcio 2mg
Fósforo 9mg
Ferro 0,1mg
Sódio <0,4mg
Potássio 75mg
Fibras 1,3g

Mamão
É encontrado durante o ano todo e, dependendo da variedade a que pertence, tem tamanho, peso, sabor e cor diferentes. O formato do mamão varia segundo a espécie. As principais variedades são: mamão-da-baía, alongado, lembrando uma grande pêra; mamão-da-índia, tem saliências no sentido longitudinal; mamão-macho, também conhecido como mamão-corda, é fino e comprido; o mamão-fêmea é bem maior e com forma arredondada; mamão papaya tem formato periforme e de tamanho reduzido, porém mais adocicado e mamão formosa. É rico em vitaminas A, C e do complexo B. é fonte também de sais minerais como cálcio, ferro e fósforo. Possui, ainda, uma enzima especial, a papaína, que digere proteínas, auxilia na assimilação de nutrientes e no processo digestivo. Seu período de safra é durante os meses de maio, junho, agosto e de outubro a dezembro. Na hora de escolhê-los para consumo, procure os que tiverem a casca bem amarela, sem manchas e a polpa macia.
Composição por 100g
Calorias 45kcal
Glicídios 12g
Proteínas 1g
Lipídios –
Cálcio 25mg
Fósforo 11mg
Ferro 0,2mg
Sódio 3mg
Potássio 222mg
Fibras 1,8g

Mamão papaia
Maduro e ao natural, o mamão constitui um excelente alimento, pois é rico em sais minerais como Cálcio, Fósforo, Ferro, Sódio e Potássio e vitamina A. O mamão maduro conserva-se em geladeira de 2 a 3 semanas e seu período de safra é de abril e julho.
Composição por 100g
Calorias 45kcal
Glicídios 12g
Proteínas 1g
Lipídios –
Cálcio 25mg
Fósforo 11mg
Ferro 0,2mg
Sódio 3mg
Potássio 222mg
Fibras 1,8g

Manga
No Brasil, existem cerca de quinhentas variedades de manga, entre as quais as mais conhecidas são: manga coquinho, manga haden, manga rosa, manga espada, manga coração-de-boi, manga-bourbon, manga Tommy. É um fruto rico em vitaminas A, C e do complexo B. Boa fonte de sais minerais como cálcio, ferro e fósforo. Apresenta ainda tanino, que a torna adstringente. Os melhores meses para consumo são de outubro a fevereiro.
Composição por 100g
Calorias 51kcal
Glicídios 12g
Proteínas 1g
Lipídios Tr
Cálcio 25mg
Fósforo 11mg
Ferro 0,2mg
Sódio 3mg
Potássio 222mg
Fibras 1,8g

Morango
O morango é uma das frutas mais conhecidas no mundo. É rico em vitamina C e boa fonte de vitaminas A e do complexo B e de sais minerais como cálcio, ferro e fósforo. Por ser fruto rasteiro, convém lavá-los cuidadosamente para eliminar eventuais impurezas. Para conservá-los frescos durante alguns dias é guardá-los na geladeira, na própria embalagem, cobertos com papel impermeável ou papel de pão, além de retirar os que estiverem estragados e conservar os saudáveis, bem fechado. Assim, duram de quatro a cinco dias. Seu melhor período para consumo é de julho a outubro.
Composição por 100g
Calorias 30kcal
Glicídios 7g
Proteínas 1 g
Lipídios –
Cálcio 11mg
Fósforo 22mg
Ferro 0,3mg
Sódio <0,4mg
Potássio 155,2mg
Fibras 1,7g

Nectarina
A nectarina é uma fruta que resulta do cruzamento do pêssego com ameixa vermelha. É rica em vitamina A, além de ser boa fonte de vitaminas C e do complexo B, além de sais minerais como cálcio, ferro e fósforo. Os melhores meses para consumo são janeiro e fevereiro.
Composição por 100g
Calorias: 64kcal
Glicídios: 17,1 g
Proteínas: 0,6g
Lipídios: –
Cálcio: 4mg
Fósforo: 24mg
Ferro: 0,5mg
Sódio: –
Potássio: –
Fibras: 0,4g

Nêspera
A nêspera é uma fruta pequena, de cor amarela e casca aveludada, erroneamente chamada de ameixa-amarela ou ameixa-japonesa. É rica em vitaminas A e C e sais minerais, como cálcio e fósforo. A nêspera é consumida ao natural ou em saladas, misturada com outras frutas. Seu melhor período para consumo se situa entre os meses de agosto e outubro.
Composição por 100g
Calorias: 44kcal
Glicídios: 10,7g
Proteínas: 0,2g
Lipídios: 0,6g
Cálcio: 18mg
Fósforo: 14mg
Ferro: 0,8mg
Sódio: –
Potássio: –
Fibras: 0,8g

Noz
A noz é rica em minerais como potássio, cálcio, ferro, magnésio e zinco. Possui alto teor calórico de gordura. O tipo pecan é cultivado no Sul do País, porém parte do consumo (mais intenso em dezembro) é suprido com importação.
Composição por 100g
Calorias: 651 kcal
Glicídios: 15,8g
Proteínas: 14,8g
Lipídios: 64g
Cálcio: 99mg
Fósforo: 380mg
Ferro: 3,1 mg
Sódio: –
Potássio: –
Fibras: 2,1g

Pêra
Com seu sabor delicado e baixo valor calórico a pêra é muito apreciada no Brasil. Contém quantidades razoáveis de vitaminas A, C e do Complexo B. É fonte também de sais minerais como Sódio, Potássio, Cálcio e Fósforo. É rica em fibras. Prefira consumir as pêras maduras. Para isso, guarde-as em local frio pois não amadurecem na temperatura ambiente. Seu melhor período para consumo é entre os meses de janeiro a março e de agosto a outubro.
Composição por 100g
Calorias: 53kcal
Glicídios: 14g
Proteínas: 1g
Lipídios: –
Cálcio: 8mg
Fósforo: 12mg
Ferro: 0,1mg
Sódio: –
Potássio: 116mg
Fibras: 3g

Pêssego em Calda
Há várias espécies de pêssego que, segundo a variedade, tem forma arredondada ou alongada. A pele da fruta é aveludada, de cor que varia entre o branco, o amarelo e o vermelho. É rico em fibras, importantes para o bom funcionamento do intestino. Possui apreciável teor de vitaminas A, C e D e sais minerais, especialmente o potássio. O pêssego em calda deve ser consumido com moderação, pois possui um alto valor energético, especialmente quando acrescenta-se creme de leite. Seu melhor período para consumo é entre os meses de agosto e janeiro
Composição por 100g
Calorias: 53 kcal
Glicídios: 14g
Proteínas: 1g
Lipídios: –
Cálcio: 8mg
Fósforo: 12mg
Ferro: 0,1mg
Sódio: –
Potássio: 116mg
Fibras: 3g

Piqui
Também conhecido como pequi, piquiá e pequiá muito utilizado depois que sua polpa é cozida em água com sal, podendo também ser utilizado para realçar o sabor em cozidos, ensopados risotos e etc. Encontra-se de forma mais abundante no período de fevereiro a abril.
Composição por 100g
Calorias: 89,00 kcal
Glicídios: 21,0g
Proteínas: 1,80g
Lipídios: 25,6g
Cálcio: 14mg
Fósforo: 10mg
Ferro: 1,20mg
Sódio –
Potássio –
Fibras 14g

Pupunha
Fruta também conhecida como pirajá e marajá sua safra é extensa que vai de dezembro a todo o primeiro semestre (junho do próximo ano) encontrando-se palmeiras que chegam a produzir até 25 cachos da fruta por ano. Cada cacho de pupunha pesa entre 5 a 12 quilos e contém aproximadamente 100 frutas, podendo chegar até 400 ud por cacho A vitamina a se constitui um dos seus principais componentes, contendo em sua polpa até 70mg de caroteno por 100g. É bastante consumida quentinha após de cozida na água e sal com café preto ou com o delicioso tacacá, pode ser usada também em purês, molhos, risotos, decorando pratos saborosos, bolos e até sorvetes
Composição por 100g
Calorias: 106 kcal
Glicídios: 19,40g
Proteínas: 2,00g
Lipídios: 2,00g
Cálcio: 28mg
Fósforo: 31mg
Ferro: 3,30mg
Sódio –
Potássio –
Fibras –

Fonte: Sociedade Brasileira de Diabetes

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Publicado em Deixe um comentário

Medidas Práticas

Muitas vezes recebemos uma receita onde nos pede 125 ml de qualquer líquido ou tantas gramas de um ingrediente qualquer e não temos balança de precisão e nem mesmo um copo graduado. O que fazer? Simples, imprima o texto a seguir e guarde no seu livro de receitas.

1 copo de vidro comum (americano) tem 200 ml

1 xícara de chá tem 150 ml e eqüivale a 16 colheres de sopa;

1 xícara de cafezinho tem 50 ml e equivale a 5 colheres de sopa;

1 litro de líquido eqüivale de 4 a 5 xícaras;

1 colher de chá eqüivale a 25 gotas;

1 colher de chá de ervas frescas pesa 5 gramas;

1 colher de chá de ervas secas pesa de 2 a 3 gramas;

1 colher de sopa com raízes esmigalhadas pesa 8 a 10 gramas;

1 colher de sopa de ervas secas pesa de 4 a 5 gramas;

1 colher de sopa de ervas frescas pesa de 8 a 10 gramas;

1 colher de sopa de flor pesa 3 gramas;

1 colher de cafezinho de fruto seco pesa 1grama;

1 colher de sobremesa equivale a metade da colher de sopa;

Usam-se 20 gramas de ervas verdes para 1 litro de água;

Usam-se 10 gramas de ervas secas para 1 litro de água;

1 copo americano equivale a uma xícara de chá;

1 copo americano de farinha pesa mais ou menos 110 g;

1 copo americano de açúcar cristal pesa mais ou menos 150 g;

1 copo americano raso de banha pesa mais ou menos 125 g;

1 copo americano de margarina raso pesa mais ou menos 125 gr

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Publicado em Deixe um comentário

Dolomita

A Dolomita é um calcário natural que quase faz milagres. É um mineral de carbonato de cálcio e magnésio CaMg(CO3)2, muito abundante na natureza na forma de rochas dolomíticas, utilizado como fonte de cálcio e de magnésio.

Falam as pesquisas:

Pesquisas realizadas no Instituto Weismann, de Israel, com um calcário dolomítico brasileiro comprovaram a presença de calcitriol, hormônio que fixa o cálcio nos ossos e atua em mais de 30 tecidos, produzindo aumento de trabéculas de medula vermelha e de massa óssea aumento da calcificação, da flexibilidade e maleabilidade e ainda; redução dos sintomas e dor na osteoporose; estímulo do crescimento infantil com vantagens sobre o leite de vaca.
O suplemento via oral, em média de 3g por dia, pode ser usado como terapia complementar para tendência à desmineralização óssea, cardiopatias, hipertensão, diabetes, distúrbios gastrointestinais, gastralgias, diarréia, câimbras, tendinite, dores musculares e articulares, fibromialgia, DORT, luxações recidivantes, bursite, processos inflamatórios, baixa imunidade, TPM, cólica menstrual, metrorragia, espasmos brônquicos, queimaduras, úlceras de perna, e sempre que for necessária a regeneração tecidual.

Talco

O uso em pó tem ação anti- hemorrágica, desodorante e cicatrizante. Pode ser usado em casos de gengivite, afta, pré- dentição, pós- extração dentária, higiene oral e lesões genitais. Na pele, é aplicado em ferimentos, escoriações, assaduras, mau cheiro nos pés, micoses e após a depilação. Previne escara quando espalhado no lençol de pessoas acamadas, melhorando o deslizamento da pele e aumentando a sua resistência.

Agua argilosa de dolomita

Adicionando dolomita à água (2 litros de água para 1/ 2 copo de dolomita) obtém- se uma água argilosa para banho tanto para crianças como adultos, em casos de brotoeja, prurido e problemas dermatológicos.

Dolomita na salmoura

Uma colher (chá) de dolomita em pó num copo de salmoura aumenta o efeito antiinflamatório e analgésico. É usada em gargarejos nos casos de amigdalite e laringite. Em congestão nasal, rinite e sinusite, devem ser aplicadas duas a 3 gotas em cada narina, duas a 4 vezes ao dia.

Pasta de dolomita

Misturando- se água à dolomita, na proporção de uma parte de água para duas de dolomita, obtém- se uma pasta homogênea. A água pode ser substituída por chás (gengibre, para dores articulares) ou soro fisiológico (úlceras varicosas). A pasta tem ação analgésica, refrescante, antitérmica, relaxante e cicatrizante. É útil para casos de DORT, dores articulares, erisipela, seborréia, queimadura solar, psoríase e estado febril. A pasta de dolomita tem uso intravaginal, em casos de candidíase, leucorréias, bem como para hemorróida interna, fissura e prurido anal.

Banho de Dolomita

O banho é indicado em casos de fibromialgia, insônia, depressão, pós- lipoaspiração, cirurgia de varizes. O uso estético de dolomita é útil no tratamento de estrias, flacidez, celulite e para amenizar rugas de expressão facial, olheiras, manchas e quelóide.

Cataplasma

A profundidade do efeito da dolomita é proporcional à espessura da aplicação. Atualmente existe uma apresentação prática de cataplasmas de vários tamanhos, fáceis de manejar e fixar. A cataplasma é preparada no tamanho proporcional à região a ser cuidada. É aplicada em casos de sinusite, cistite, otite, (coloque a pasta entre gases para que não entre no canal auditivo) na região pulmonar, sobre o fígado e em dores articulares crônicas.

Como a argila atrai toxinas para a superfície da pele, lembre- se da importância da desintoxicação intestinal nos casos de constipação, para evitar reações dermatológicas, embora isso seja muito raro. Em tais casos, a aplicação externa deve ser suspensa, utilizando- se apenas o pó, até que o nível toxêmico seja reduzido.
Para potencializar o efeito da dolomita, ela deve estar associada a outras terapias naturais, como a fitoterapia, hidroterapia e dietas especiais. O paciente deve sempre ser aconselhado a melhorar o estilo de vida através da utilização do ar puro, luz solar, água pura, repouso, exercícios, alimentação natural, além de evitar estimulantes, e manter uma atitude confiante no dia- a- dia.

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Publicado em Deixe um comentário

Perfeição

Almejamos a perfeição, queremos ser à prova de falhas, desejamos estar certos, optar corretamente e ter as reações mais corretas 100% do tempo. Não aceitamos ser menos que "perfeitos". Seja por autocrítica, ou para mostrar aos outros, ou mesmo, porque é o que nos foi incutido culturalmente desde pequenos.

Agora, quem é perfeito? Quem não falha? Quem está sempre certo? Eu respondo: ninguém!

Não seria mais humanamente possível o conceito de totalidade, no qual nossas características com seus excessos e faltas são aceitas como partes de nós mesmos? Por exemplo, a raiva como sinalizador dos nossos limites, a preocupação como projeção dos nossos desejos e todas essas características e sentimentos que nos mostram onde e quando temos que melhorar.

Por totalidade entende-se que temos o branco e o preto, além de todas as outras cores; o certo e o errado, além de todas as nuances do mais ou menos, dependendo do ponto de vista e da situação.

A palavra chave é aceitar que temos todas essas nuances. Aceitar é acolher sem julgamentos ou crítica. Aceitar não é gostar, e sim acolher a totalidade de nós mesmos."Aceitar não é gostar, e sim acolher a totalidade de nós mesmos."

É difícil, eu sei. É um trabalho para a vida toda, mas garanto que é recompensador.

APRENDENDO A ACEITAR

Precisamos aceitar que temos características que podem se exceder ou faltar em determinadas situações, aceitar que oscilamos. Aceitar que essas características são parte de nós, que o excesso ou falta só mostra onde temos que aprender, melhorar e evoluir. É com essas oscilações que aprendemos a lidar com nós mesmos. Aceitar que sentimos raiva, preocupação, mágoa, tristeza. E isso faz de nós seres únicos e especiais, com toda a diversidade e humanidade que a experiência da vida nos traz.

Entenda: aceitar não é deixar de sentir ou tentar controlar esses sentimentos que chamamos negativos, eles são sentimentos válidos, pois servem para nos guiar, para sinalizar onde estão nossos limites, nossas feridas, nossas fraquezas. Onde exatamente não estamos plenos e satisfeitos ainda. Em qual área da vida não nos sentimos felizes.

Reflita, e se possível, liste os sentimentos e situações que lhe fazem sofrer de alguma forma.

Quais são esses sentimentos e situações que você pode melhorar ou lidar para que se tornem menos nocivos?

Quais são os sentimentos e situações que você não tem como modificar? Esses temos que aceitar.

Sugiro praticar a Oração da Serenidade: "…dai-me a serenidade para aceitar as coisas que eu não posso mudar, coragem para mudar as coisas que eu possa, e sabedoria para que eu saiba a diferença".

Não somos perfeitos, mas podemos aceitar nossa complexa totalidade. Oscilando às vezes, mas melhorando sempre.

SOBRE O AUTOR Simone Kobayashi: Terapeuta Holística.

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Publicado em Deixe um comentário

Causas principais que prejudicam o fígado

Passamos para você oito regrinhas básicas para que seguindo-as seu fígado possa trabalhar bem e não incomodá-lo. Não falaremos aqui sobre os excessos de bebida alcoólica porque você já está cansado de saber que é um dos fatores que mais prejudicam seu fígado.

* Por Leon Gomes dos Santos

1. Dormir tarde e despertar tarde

2. Não urinar pela manhã

3. Comer demasiado

4. Pular o café da manhã

5. Consumir muitos medicamentos

6. Consumir conservantes, colorantes, adoçantes artificiais

7. Consumir óleos de cozinha não saudáveis. Reduza o mais possível o consumo de alimentos fritos mesmo quando utilizes azeites benéficos. Não consumas alimentos fritos quando estiveres cansado ou doente a menos que sejas muito magro, mas se puderes, evita-o.

8. Consumir alimentos demasiado cozidos sobrecarregam o fígado.

Os vegetais devem ser comidos crus ou pouco cozidos. Se consomes vegetais fritos deves fazê-lo de uma só vez, ou seja, não deves guardá-los para consumo posterior.

Devemos seguir estes conselhos sem que signifique maior gasto. Só temos que adotar um estilo de vida mais saudável e melhorar os nossos hábitos alimentares. Manter bons

hábitos de alimentação e exercício é muito positivo para que o nosso organismo absorva o que necessita e elimine os químicos no seu "horário". Vide o bçog: Horários Especiais

LEVA MAIS À SÉRIO A TUA SAÚDE… E PARTILHA ESTA INFORMAÇÃO COM TODOS OS TEUS AMIGOS!

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Publicado em Deixe um comentário

O PODER DA INTERCESSÃO – Enviado por Elizeu Marcelino

Alguma vez você já sentiu urgência em orar por alguém e simplesmente você o colocou em uma lista e falou: 'orarei por ele depois'? Ou alguém alguma vez lhe chamou e lhe disse: 'preciso que ore por mim!'? Leia a estória à seguir. Você pode mudar sua forma de pensar sobre a oração e também a forma de fazê-la.

O Poder da Oração

"Enquanto eu servia em um pequeno hospital, na África, a cada duas semanas eu ia, de bicicleta, por dentre a selva, até uma cidade próxima, para comprar provisões. Esta era uma jornada de dois dias e era necessário acampar à noite, na metade do caminho.

Em uma dessas jornadas, cheguei à cidade, onde planejava sacar meu dinheiro no banco, comprar medicamentos e provisões, e depois iniciar meus dois dias de jornada de regresso ao hospital.

Quando cheguei à cidade, observei dois homens brigando e um deles havia sido seriamente ferido. Tratei dos seus ferimentos e ao mesmo tempo lhe falei do Senhor Jesus Cristo.

Viajei por dois dias, acampando à noite, e cheguei em casa sem nenhum incidente. Duas semanas depois, repeti minha jornada. Quando cheguei à cidade, fui abordado por aquele jovem homem, cujas feridas eu havia cuidado.

Ele me disse que sabia que eu levava dinheiro e provisões. Prosseguiu dizendo-me:

'Alguns amigos e eu lhe seguimos até a selva, sabendo que você ia acampar à noite Nós planejamos matá-lo e tomar o seu dinheiro e medicamentos. Todavia, justamente quando íamos atacar o seu acampamento, vimos que estava protegido por 26 guardas armados'.

Então comecei a rir e lhe disse que com certeza eu estava sozinho no acampamento, no meio da selva. O jovem homem apontou em minha direção e me falou:
'Não, senhor, não estava só, pois vi os guardas. Meus cinco amigos também os viram e nós os contamos. Por conta desses guardas, nos assustamos e lhe deixamos tranqüilo'.

Quando da sua volta, o missionário contou isso no sermão, e um dos homens da igreja se pôs em pé, interrompeu a mensagem e lhe perguntou se ele poderia dizer exatamente em que dia isso se sucedeu.

O missionário pensou e respondeu à congregação o dia exato e então o homem que lhe interrompeu contou esta história:

'Na noite do seu incidente na África, aqui era manhã e eu estava me preparando para ir jogar golfe. Estava a ponto de sair de casa quando senti a urgência de orar por você. De fato, a urgência do Senhor era tão forte que chamei vários homens da igreja para nos encontrar aqui, no santuário, para orar por você. Poderiam os homens que se reuniram comigo aqui naquele dia, colocar-se de pé?'

Então todos os homens que se reuniram naquele dia se puseram de pé. O missionário ficou surpreso quando aquele homem começou a contá-los. Eram exatamente 26.

Esta história é um exemplo incrível de como o Espírito do Senhor se move de maneira misteriosa.

Convido você a passar para frente esta mensagem a quantas pessoas conheça. Como essa história verdadeira mostra, 'com Deus, todas as coisas são possíveis' e, mais importante, mostra como Deus escuta e responde as nossas orações.

Depois de lê-la e passá-la para seus amigos, dê graças a Deus pelo poder da fé. Dê graças a Deus pelo poder da oração e pelos milagres que Ele tem feito em nossa vida diariamente."

QUE O SENHOR DISPONHA ANJOS QUE TE GUARDEM EM TODOS OS MOMENTOS DA TUA VIDA.

"Posso segurar muitas coisas em minhas mãos e, perder todas…Mas jamais perderei aquilo que coloquei nas mãos do Senhor!"

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Publicado em Deixe um comentário

Refeições Fragmentadas

Para um alimentação adequada, você deve realizar de 5 a 6 refeições por dia. Nesse caso, o tamanho da porção diminui, porém você manterá seu corpo trabalhando. Quando ficamos muito tempo sem nos alimentar, o nosso corpo se acostuma e gasta menor quantidade de calorias, além disso, realizar pequenos lanches ajudam a controlar o apetite nas principais refeições.

Adicionando os produtos naturais nos lanches da manhã e no lanche da tarde, você estará melhorando a qualidade da sua refeição, tornando-a mais saborosa e rica em vitaminas, minerais e fibra.

Nós os brasileiros somos famosos por comer demais, alguns chegam a montar montanhas de comida num prato. Isso dilata o estômago, estraga a digestão, engorda, aumenta os níveis de açucar, de triglicerídeos e de mau colesterol no sangue.

Escolha bem o que vai colocar dentro do seu corpo, é mais importante do que escolher o que vai vestir o seu corpo.

Rotina de Horário
Estabeleça horários para as refeições. Para realizar várias refeições durante o dia, devemos estabelecer horários e nos alimentar de 3 em 3 horas, no máximo 4 horas. Com isso, você condiciona o seu organismo e com o passar do tempo ele estará acostumado à ingestão de alimentos nos horários previstos.

Alimentação Equilibrada
Alimentação ideal e adequada é rica em nutrientes que previnem as deficiências nutricionais e protege contra doenças pois melhora as defesas do organismo. Esses nutrientes são divididos em: Macronutrientes – carboidrato, proteína e lipídeos – e micronutrientes – vitaminas e minerais.

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Publicado em Deixe um comentário

Dengue: Não deixe o mosquito ganhar

Apesar da época do ano, a dengue ainda faz vítimas em todo o Brasil. Recentemente, o Rio de Janeiro declarou epidemia de dengue e outros estados também sofrem com a incidência da doença que é transmitida pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus, atinge crianças e adultos, provocando vários sintomas como: febre, dor no corpo e manchas vermelhas na pele. Durante a reprodução, os transmissores botam os seus ovos na água limpa e parada. Por isso, é muito importante evitar os criadouros do mosquito, que podem estar bem perto de você.

A bióloga Alessandra Laranja, pesquisadora da Universidade Estadual de São Paulo, descobriu que a borra do café pode ser utilizada para combater a dengue. Basta colocar o pó de café usado em vasos de planta e outros lugares onde a água fique parada, para evitar a reprodução do mosquito da dengue. As pesquisas mostraram que a borra impede que o inseto deposite os seus ovos na água. Além disso, mesmo se os ovos já estiverem presentes, o café faz com que eles não evoluam para larvas.

Veja como utilizar a borra que sobrou do café para combater a dengue em sua casa!

Ingredientes:

2 colheres (sopa) de borra de café
1/2 copo de água

Preparo:

Você pode preparar a quantidade que quiser do produto, desde que siga as proporções informadas acima. É só misturar a borra de café com a água para poder utilizar.

Como Usar:

Aplique um pouco da mistura em pratinhos de planta, ralos e outros recipientes que acumulem água. Repita o processo a cada 15 dias para manter o mosquito da dengue afastado.

Lemre-se de que se á borra de café não tiver açúcar e você aumentar bem a água, as folhas de suas plantas também deverão receber borrifadas, pois as livrarão de insetos como de cochonilhas, pulgões etc.

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.