Publicado em

Aborto: A matança dos indefesos (um crime hediondo)!

O governo brasileiro aprovou uma lei que servirá de incentivo à prática do aborto no País. Qualquer mulher, solteira ou casada, poderá ser atendida pelo SUS, mesmo sem comprovação, dizendo ter sido vítima de violência sexual. As vítimas de violência devem ser assistidas por parte do Estado. Mas colocar o sistema da saúde à disposição de qualquer pessoa, sem que haja comprovação de violência, é incentivar o crime hediondo do aborto.

Quando uma nação silencia ante o cometimento de um crime bárbaro, com requintes de crueldade, algo terrível terá acontecido com a consciência coletiva. Nações ditas civilizadas. Do chamado “Primeiro Mundo” já aprovaram a descriminalização do aborto. Nos Estados Unidos, nação que nasceu sob inspiração da Bíblia, o aborto foi aprovado pela Suprema Corte; na Europa, que já foi berço de grandes avivamentos evangelísticos mundiais, as nações estão na vanguarda da prática do crime hediondo do aborto.

Na Ásia, as nações do Oriente, onde as religiões que defendem a natureza, a ponto de considerar rios, plantas e animais, como divindades, também são cúmplices da matança dos inocentes, no recôndito sagrado do ventre materno. É uma hipocrisia criminosa defender animais em extinção ( o que é correto), e concordar com o crime do aborto. Os que concordam com esse crime, um dia responderão diante do Nosso eterno0 Deus, Supremo Juiz do Universo, o Autor da vida.

Aborto

Costumo dizer que sou a favor da vida intra e pós uterina. Já me coloquei tantas vezes contra o aborto, que agora vou deixar que pessoas ilustres ou não falem sobre o assunto. Veja o que diz:

Mário Quintana: É lamentável que as pessoas que defendem o infanticídio se intitulem religiosas, pois se esquecem do mandamento: Não matarás, vigente no meio religioso desde os tempos de Moisés, o grande revelador da justiça. “O aborto não é, como dizem, simplesmente um assassinato. É um roubo… Nem pode haver roubo maior. Porque, ao malogrado nascituro, rouba-se-lhe este mundo, o céu, as estrelas, o universo, tudo. O aborto é o roubo infinito.”

Madre Tereza de Calcutá: Se todas as religiões, se a nossa constituição e todas as filosofias elevadas defendem a vida e condenam o assassinato, não podemos crer que algumas pessoas inescrupulosas estejam com a razão. “O maior destruidor da Paz no mundo hoje é o aborto. Ninguém tem o direito de tirar a Vida: nem a mãe, o pai, o médico, a conferência ou o governo. A vida nos é dada por Deus, desprezá-la é desprezar AQUELE que nos criou.”

Zelton Morais: “A ideia da legalização do aborto é tão triste quanto a imagem de uma mãe citando essa mesma lei para o espírito de seu filho abortado, na tentativa de se justificar e livrar-se da dor do remorso.”

José Eduardo A. Caetano: “A mãe tem todo o direito de não querer seu filho, apesar de achar isso absurdo, mas nunca terá o direito de tirar sua vida. Não quer o filho? Espera com ele em seu ventre, espere nascer e dê para adoção.”

Um anônimo extraordinário perguntou: “Você já parou para pensar que todo mundo que é a favor do aborto já nasceu?”

Você é contra ou a favor do aborto? Se for contra é sinal que já pensou. Caso seja a favor, você já parou para pensar? O mais natural é que as pessoas que são a favor já nasceram. Pense se é legal não dar a todos a oportunidade de nascer que seus pais lhe deram.

Anônimo: Abortar é mais cruel e covarde que matar uma criança enquanto ela dorme. Evite o aborto.

Anônimo: Assassinar uma criança no ventre é o mais bárbaro dos crimes. Evite o aborto.

Anônimo: Assassinar uma criança indefesa é o mais covarde dos crimes. Evite o aborto.

Anônimo: Matar uma criança indefesa é o mais bárbaro dos crimes. Evite o aborto.

Anônimo: Evite o aborto e a paz de consciência será sua eterna companheira.

Anônimo: Engravidou-se? Não desespere. Calma!Tudo passa! Evite o aborto.

Anônimo: O que parece ser solução pode ser o maior problema. Evite o aborto.

Anônimo: Mãe, a decepção da gravidez indesejada é paz, em se comparando com as péssimas consequências do aborto. Não confia naquela que diz que nada sofreu abortando-se. Um dia a decepção baterá com toda força em sua porta. E aí?! Evitar o aborto é bom para você.

Anônimo: Mãe, por que esta revolta com tua gravidez? Calma! Tudo passa! Bons momentos virão. Confia em Jesus e evite o aborto.

Anônimo: Busque exemplos nas mães que enfrentaram os dissabores da gravidez inesperada, hoje estão felizes e com paz de consciência. Evite o aborto.

Anônimo: A gravidez poderá vir de surpresa, mas o aborto é crime premeditado. Todo crime premeditado, planejado, calculado, torna-se frio, covarde, traiçoeiro, cruel e com valor negativo imensurável. O aborto criminoso nunca soluciona problemas, complica.

Anônimo: Abortar é condenar à morte um reuzinho sem crimes. O que ele te fez mãe, para ser tão cruel, a ponto de executá-lo em seu próprio ventre, sem direito de apenas dizer: não me mate mamãe.

Anônimo: Não queira ostentar o negro titulo de infanticida. Evite esse bárbaro crime.

Anônimo: Se a mãe percebesse o desespero e dor do filhinho durante o ato abortivo, considerar-se-ia a mais cruel das mulheres. Evite o peso do remorso, evitando o aborto.

Anônimo: O suicídio e o ABORTO perante a justiça de Deus têm o mesmo peso e a mesma medida. Ambos caracterizam maldade e covardia.

Agradecimentos: http://www.rosarioemfoco.com.br/2013/09/aborto-matanca-dos-indefesos-um-crime.html por parte do texto e pela imagem.

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *