Publicado em

Os Mandamentos dos Reumatologistas

Quando se passa dos quarenta, ou mesmo antes, entramos numa fase em que a cada dia aparece uma nova dor, e daí, quando não sabemos nos cuidar com a medicina natural, temos que frequentar os consultórios dos reumatologistas. Eles têm alguns conselhos a nos dar, como conselhos são de graça, não custa nada ler e quem sabe praticar. Se souber de um diferente dos que estão abaixo, mande para [email protected] e certamente lhe daremos crédito do acréscimo, se assim você desejar.

1- Não pratique exercícios em locais expostos à poluição, como avenidas movimentadas e com tráfego nos dois sentidos.

2- Escolha horários com menos tráfego ou deixe para se exercitar em casa em uma esteira, bicicleta ergométrica etc.

3- A regularidade no fazer os exercícios traz mais benefícios à saúde do que a intensidade da atividade física.

4- Fique atento à sua postura, se você não se ajuda todo seu esforço com atividades físicas poderá ser em vão.

5- Seja paciente com seu corpo. Em um mês você não vai recuperar dos estragos de dez anos.

6- Não se exercite em horários de calor excessivo para não sofrer desidratação.

7- Não exceda os limites de seu corpo quando ele ainda não tiver condições perfeitas para aumentar o tempo ou o número dos exercícios. Você poderá quebrar um osso, luxar um nervo ou distender um músculo. Tudo muito doloroso… Não é bom tentar.

8- Observe bem o terreno aonde irá se exercitar. Infelizmente no Brasil nossas calçadas são boas para o faturamento de hospitais de traumas e não para exercícios aeróbicos.

9- Cuidado com a oxidação celular, que provoca o envelhecimento precoce do organismo, ela é resultado de exercícios físicos em horários inaceitáveis para a prática ou seja: depois das 09 da manhã e antes da 17 horas à tarde e também quando a prática do esporte é em ambientes poluídos.

10- Mais importante que exercitar-se é fazer alongamentos, pois eles preparam os músculos para fazer o exercício e ajudam a eliminar o ácido láctico que fica nos músculos quando paramos os exercícios. Alongue-se e não sofra durante e depois dos exercícios físicos.

Atenção: Qualquer produto citado neste post não é um medicamento e não substitui o tratamento médico. Terapias citadas neste post não substituem a visita ao seu médico regularmente.

Deixe um comentário ou resposta...